Interlagos sua linda – Pitacos F1

A F1 deste ano está praticamente impossível de se explicar, você já começa a assistir a corrida sabendo que uma Mercedes irá vencer, provavelmente com uma dobradinha, só que as corridas em si tem sido de uma emoção inexplicável, claro que temos algumas corridas completamente monótonas com poucas coisas a se comentar porém temos várias corridas boas, com bons momentos, com emoção, com tudo a se tem direito e em Interlagos não foi diferente.
img_3775
Podemos dizer que a corrida em solo brasileiro teve do ponto mais chato ao ponto mais emocionante, tivemos momentos em que quase dormimos e momentos em que era impossível se segurar no sofá e claro momentos até para chorar. Convenhamos, a despedida de Felipe Massa foi de uma comoção geral, impossível não ficar emocionado com aquele momento.
f1-brazilian-gp-2016-felipe-massa-williams-carries-a-brazilian-flag-as-he-walks-back-to-hi-1
Vamos falar da corrida logo, que começou com Safety-Car a F1 que a tempos não larga mais sem o carro de segurança se estiver chovendo, houve até um suspense pois muitos acreditavam que Charlie Whiting poderia se render a emoção e deixar a corrida começar de modo normal, mas não, lá se vão todos em fila indiana até a volta 7, quando tivemos a largada normal, a corrida já começou bem com Verstappen engolindo Raikkonen e partindo para cima de Rosberg, enquanto isso já se via piloto entrando nos boxes para colocar os intermediários tentando um pulo do gato, o problema é que tinha muita gente rodando com pneus de chuva forte, Vettel foi um deles no inicio da subida do café, tomou um susto tremendo, rodou sozinho e o que vai fazer depois!? Coloca intermediário…não consegui entender! Então Ericsson perde o controle no final da subida do café, rodou e bateu fechando a entrada dos boxes, Ricciardo que havia sido chamado acabou entrando nos pits porém os mesmos já estavam fechados, tomou 5 segundos de punição mais tarde, e com isso entra o Safety Car novamente, algumas voltas e nova relargada, que não deu nem para sentir o gosto, Raikkonen perdeu o controle na reta principal, rodou e também bateu, com isso acabamos tendo bandeira vermelha e corrida paralisada.
f1-brazilian-gp-2016-lewis-hamilton-mercedes-amg-f1-w07-hybrid-leads-behind-the-fia-safety
O carro mais visto na corrida!
Com a corrida paralisada todo mundo foi obrigado a colocar pneus de chuva intensa, Hamilton trocou até o capacete, então foram tentar largar novamente, todos a pista com Safety Car, e neste meio tempo, Palmer, sozinho, bate um Kvyat do nada assim sem mais nem menos…os carros deram algumas voltas e pararam com bandeira vermelha novamente, com a direção de prova alegando que as condições eram impraticáveis, mais um tempo parado e então os carros voltam a pista atrás do carro de segurança novamente, dão algumas voltas e decidem relargar, mais uma vez!
Um dos momentos em bandeira vermelha
Um dos momentos em bandeira vermelha
Logo na relargada Verstappen foi para cima de Rosbergar e o jantou com facilidade indo embora na caçada de Hamilton que respondia prontamente, até que na subida do café, Max perde o controle do carro e quase bate, numa segurada até hoje não vista na F1, o jovem holandês soube controlar o carro de maneira absurdamente incrível e mesmo assim Rosberg não conseguiu chegar e passar, porém a Red Bull fez a jogada que ao mesmo tempo acabaria com a corrida de Max mas também faria ele mostrar ao mundo quem é, mandando o piloto entrar nos boxes para colocar os pneus intermediários na esperança de que a chuva diminuísse porém voltas depois ele teria que voltar aos boxes para colocar os pneus de chuva intensa e cair para décimo quarto!
Momentos após a panca de Raikkonen
Momentos após a panca de Raikkonen
Então chegou o momento mais emocionante e comovente da corrida, Felipe Massa na volta 48 bateu no mesmo ponto onde vários outros pilotos bateram, na subida do café/junção/inicio da reta, com o carro parando na entrada dos boxes! Este que vos escreve tem de confessar que não poderia acontecer coisa melhor para Felipe Massa que não isso, antes bater e abandonar de forma honrosa que terminar apagado e sem pontuação, e o que a direção de prova fez foi mais honroso ainda, pois enquanto na pista os carros estavam com safety car, a entrada para os pits foram fechadas, e todas as cameras e atenções estavam voltadas para o piloto brasileiro, a torcida ovacionando, e enquanto caminhava pelos pits, todos os mecânicos aplaudindo o piloto, os mecânicos da Ferrari saíram todos para abraça-lo, sua esposa Rafaela e seu filho Felipinho foram ao encontro dele para dar forças ao piloto que já não aguentava mais andar de tanta emoção, seu engenheiro vindo ao seu encontro e lhe dando um abraço e um beijo, tudo que aconteceu, o momento foi o melhor a maneira como aconteceu, os Deuses do automobilismo com certeza mexeram uns pauzinhos para que tudo acontecesse daquela maneira, pois Felipe Massa mereceu tudo e merecia muito mais.
Quando a corrida voltou, o show de Verstappen começou, de 14º o jovem começou a escalar o pelotão como se a pista nem estivesse molhada, ele ultrapassou pilotos em todos os pontos do circuito, e em 16 voltas Verstappen estava lá em terceiro, com uma corrida impecável, pilotando como ninguém e colocando mais um recorde em seu nome, como o do piloto mais jovem a fazer uma volta rápida em corrida.
Max Verstappen dando um show na pista!
Max Verstappen dando um show na pista!
Nasr também conseguiu um feito e tanto ao terminar em nono e salvar dois pontos para a Sauber, um alivio para o time que consegue salvar uma grana a mais para o orçamento da próxima temporada e que pode talvez garantir a vaga do brasileiro para a próxima temporada, mas mesmo que não garanta é um feito e tanto pois a equipe corria o risco de fechar a temporada zerada, e com o carro que tem este ano é de se aplaudir de pé.
Nasr fez uma ótima corrida!
Nasr fez uma ótima corrida!
É amigos, Interlagos pode proporcionar emoções inexplicáveis, que nos faz cada dia mais gostar deste esporte, um circuito com alma, uma corrida de outro nível, um espetáculo.
Verstappen, o piloto do dia!
Verstappen, o piloto do dia!