JJ 7 vezes campeão

Poderia ter sido mais fácil, poderia ter acontecido de outra maneira, ser mais simples, mas os deuses do automobilismo não quiseram dessa maneira, deixaram tudo mais difícil, tudo para termos um bom espetáculo, emocionante, daqueles momentos que te fazem prender a respiração até a bandeirada, para que em um momento você perca as esperanças e no final ser surpreendido, quando você achava que tudo estaria perdido uma mudança de última hora te faz animar novamente e te deixa completamente sem palavras.
hi-res-e32c947429522c95c570127340215855_crop_north
Confesso que não é fácil gostar de automobilismo nos dias de hoje, mas a última corrida da Nascar nos faz lembrar porque gostamos tanto deste esporte que sofre cada dia mais com o preconceito dos protetores do meio ambiente, em um mundo onde o consumo de combustível é mais importante do que um carro rápido e bonito, o show que foi ver a corrida em Miami nos dá um sopro de esperança e nos faz ficar com aquele gosto de quero mais.
2016champ-jimmie-johnson580
O que vou relatar aqui não é uma história de um filme de Hollywood, não é um filme do Herbie, não foi algo que sonhei (mesmo parecendo ser), nem uma história inventada por algum pescador. O que aconteceu foi muito real, foi ao vivo e temo milhões de espectadores de prova.
A corrida seria normal, mas antes, a direção da prova quis fazer uma nova vistoria no carro de Jimmie Johnson e o piloto teve de partir de último, isso mesmo, no fundo do pelotão, sendo que dos pilotos do chase quem chegasse na frente venceria o campeonato, mas ele não se abateu, começou a prova com tudo e em poucas voltas já estava no Top 10 e seguia escalando o pelotão até aparecer no Top 5, mas como já disse, nada foi fácil, pois os mecânicos não ajudavam e fizeram nada menos que 3 pit-stops terríveis fazendo o perder tudo o que tinha conquistado. Para piorar a situação entre os pilotos do chase, Johnson não tinha o melhor carro mas fazia o possível.
nascar-cup-homestead-2016-jimmie-johnson-hendrick-motorsports-chevrolet
Em certo momento, perto do final da prova, JJ parecia que não levaria o título, estava em terceiro entre os finalistas, até que uma bandeira amarela mudou tudo. Após o período com safety car, na relargada Carl Edwards, que tinha o melhor carro entre os quatro finalistas e mostrou força desde o início, resolveu fazer besteira ao tentar fechar Joey Logano que não tirou o pé e assim tivemos um grande acidente e bandeira vermelha, adrenalina baixada e meia hora depois a corrida recomeça!
E meus amigos, que final, JJ estava em primeiro e relargou muito bem, e logo após bandeira amarela e mais uma relargada e dessa vez não tinha pra mais ninguém, JJ foi embora e venceu a corrida, conseguindo assim seu sétimo título na carreira, colocando seu nome entre os grandes da Nascar e do automobilismo mundial. Ele tinha a enorme responsabilidade de se igualar às lendas Richard Petty e Dale Earnhardt. JJ é mais um gênio da raça. Como o são Michael Schumacher, Tom Kristensen, Valentino Rossi e Sébastien Loeb. Todos dominadores. Monstros em suas especialidades. O título está em boas mãos. E onde quer que esteja, Earnhardt Sênior aplaude o que o mundo inteiro aplaudiu depois da bandeira quadriculada.
nascar-cup-homestead-2016-2016-champion-and-race-winner-jimmie-johnson-hendrick-motorsport-1