Genebra 2017 – Honda Civic Type R mantêm números do seu antecessor

O Civic de 10ª geração abriu novas possibilidades para a Honda. Além de unificar o modelo, com versões hatch, cupê e sedã na mesma plataforma, o Civic hatch deixará de ser local para se tornar um carro global mas não deixará de ser produzido em Swindow, no Reino Unido. É lógico que nem só de vantagens vive o homem: a Civic Tourer era localizada demais e com isso vai sair de linha. Mas com a unificação da carroceria do carro, teremos boas novas para a família Civic. E uma dessas novidades é o novo Type R.

c6t_-9mwaam_4hp_0

O carro usa o motor da geração anterior, o que faz muito sentido já que ele já parecia bastante radical para um tração dianteira. Apesar disso, o cabeçote teve fluxo refeito e a central recebeu um novo mapeamento para o acelerador. Estamos falando de 310 cv a 6.500 rpm e 40,7 kgfm entre 2.500 e 4.500 rpm na versão vendida nos Estados Unidos. A Honda diz que, em outros mercados, o Civic Type R terá 320 cv e o mesmo valor para o torque. As rodas são de 20 polegadas calçadas em pneus 245/30.

104495_all_new_honda_civic_type_r_races_into_view_at_geneva-xlarge_trans_nvbqzqnjv4bqpjliwavx4cowfcaekesb3jsgam7j13ipen_un7acbjw

O para-choque frontal tem detalhes mais angulosos e os faróis são completamente em LED, como no Civic Touring vendido aqui. Na traseira os bumerangues permanecem, agora também com LEDs. Destaque para a saída tripla de escapamento, onde será possível, através de um difusor, escolher por qual escapamento o ronco irá sair, o de maior ou o de menor restrição.

14___2017_civic_type_r

Mas afinal qual será a arma secreta do novo Type R para evoluir em relação ao seu antecessor, se o motor permanece parecido e o peso continua o mesmo, de 1.382 kg? O segredo está no chassi 39% mais rígido, no centro de gravidade 34 mm mais baixo (e isso é muita coisa) e no acerto da suspensão, que ganhou ajuda da eletrônica para permitir múltiplos ajustes diferentes. A transmissão, manual de 6 marchas, ainda tem um sistema que sincroniza a rotação do câmbio com a do motor (seria como o Rev Matcher da Chevrolet), a fim de não perder potência.

62_hondacivictyper2017

O carro chega ao mercado em abril mas o preço ainda não foi revelado. E, apesar da globalização, o carro passará longe do Brasil.