Genebra 2017 – Aston Martin Rapide AMR é um bizarro sedã semi pista

O Salão de Genebra de 2017 acabou ontem, mas ainda existem muitas novidades que queremos comentar por aqui. Por ora, falaremos de Aston Marin. Assim como a BMW tem a M e a Audi tem a RS, os Aston Martin mais radicais possuirão um novo nome. A marca inglesa apresentou sua nova submarca: a AMR, ou Aston Martin Racing. A AMR promete trazer todo o expertise das pistas, onde a Aston Martin compete com seus carros no Mundial de Endurance (WEC), para seus carros de rua. Os dois primeiros lançamentos são o Vantage AMR Pro, um cupê com preparação mais extrema, e o Rapide AMR, um sedã com aprimoramentos no powertrain e no chassi.

aston-martin-rapide-amr-geneva-11

Já é possível perceber que a nova linha será dividida em AMR, modelos de alto desempenho, e AMR Pro, carros com foco em pista. Por isso o Rapide AMR é um semi pista, ele não chega a ser um carro de pista mas é o mais próximo que um sedã civil pode andar.

am-amr-r_5

O Rapide AMR se declara o sedã mais rápido do mundo, alcançando os 337 km/h. E para tal desempenho, o motor V12 naturalmente aspirado rende 600 cv contra 558 do modelo convencional. Com foco na redução de peso, tanto o exterior quanto o interior possuem fibra de carbono em sua composição. As rodas também mudaram, passando de 20 para 21 polegadas.

rapide_amr_09

O mais curioso é que existem realmente quatro lugares no carro, mas é óbvio que estamos falando de 4 bancos do tipo concha, com estrutura em fibra de carbono e acabamento em alcântara.

rapide_amr_04

Serão fabricadas apenas 210 unidades do Rapide AMR e o preço ainda não foi revelado. A Aston Martin tem planos de fazer um modelo AMR para cada carro em sua linha. E muito provavelmente todos seguirão este mesmo estilo visual, com predominância do verde e uma faixa nada discreta ao longo do carro (tendência que começou nas pistas, veio para o Valkyrie e agora está se espalhando pela fabricante).