O início de uma nova (mesmo) era. Será? – Pitacos F1

Aí você começa a assistir a corrida, fica na ansiedade, aguarda o acender e apagar das luzes e PÁ! Me abortam a largada. Hulkenberg se perde, esquece o lugar certo de parar e vamos para uma nova volta de apresentação, eita ansiedade desse povo, assim essa galera me mata do coração gente, assim não dá, o espectador não aguenta.

Pista
A Austrália foi o palco da estréia da temporada 2017

E assim começamos a temporada amigos, uma nova era na F1, uma F1 repaginada, mais rápida, com carros mais fortes e completamente diferente dos últimos anos e, sendo assim, a expectativa era para uma corrida animada, movimentada. Porém a expectativa foi a baixo quando Hamilton fez a pole, já se imaginava um novo domínio da Mercedes, mas a Ferrari veio para provar que não vai ser bem assim, apesar de um carro não tão rápido, eles contam com um monoposto equilibrado, que não consome pneus e que, quando o calo aperta, dá para apertar o ritmo. Podemos dizer que temos um bom campeonato? Calma amigos, ainda não, mas podemos esperar um campeonato melhor que nos últimos anos.

Alonso
A McLaren de Alonso

No começo da corrida Vettel já mostrou que não estava ali para brincadeira, perseguiu e muito bem Hamilton, não deixava o piloto da Mercedes escapar, sempre colado, mostrou que tinha ritmo e foi buscar, soube esperar a parada para assumir a primeira posição e dali não sair mais, claro que com uma ajuda de Verstappen, mas mesmo assim, Hamilton teve que andar no limite e acabou desgastando seus pneus e no final da corrida a diferença entre os dois já era enorme. Raikkonen não conseguiu o mesmo ritmo, terminou a corrida mais de 20 segundos atrás e somente na quarta posição, muito aquém do esperado, vamos ver ao longo da temporada como irá se comportar.

Massa
Massa brigando pelo 6º lugar

Dizer que a Mercedes errou na estratégia pode ser duro com a equipe, acho que ela teve um pequeno azar e Vettel teve sim uma parcela de sorte, porém após Hamilton ficar livre de Verstappen, ele não conseguiu manter o ritmo por muito tempo e chegou ao final da corrida com os pneus em frangalhos, tendo que reduzir o ritmo para não ficar sem pneus, mostrando que ainda não se deram muito bem com os novos pneus. Já Bottas fez um ótimo trabalho, chegou em alguns momentos a andar no mesmo ritmo de seu companheiro, porém não conseguiu alcança-lo, mas está indo muito bem.

Capturar
Hamilton e Verstappen ao fundo, Vettel liderando

A Red Bull sofreu bastante durante o final de semana após Ricciardo ser punido por precisar trocar o câmbio, na hora de alinhar o carro no grid seu carro pára novamente, ele só conseguiu ir para a pista com 3 voltas de atraso e para piorar no meio da corrida o carro quebra novamente, realmente não é bom início de campeonato. Já Verstappen andou bem e sem problema algum, mas o problema da Red Bull é que eles ainda não estão no mesmo nível de Ferrari e Mercedes.

Williams
Stroll e Massa nas duas Williams FW40

Felipe Massa mostrou que a Williams vem com um carro bem nascido, porém ainda fraco perante seus concorrentes. Como sempre o brasileiro largou bem, porém não conseguiu bater nenhum de seus rivais que iam a sua frente, mostra que vem como a quarta força do mundial, mas para terminar o ano assim a Williams precisa que Stroll ao menos diminua o número de trapalhadas. Entendemos que ele é um piloto novo, mas as vezes sua afobação pode trazer resultados péssimos que foi o que aconteceu: após bater durante a qualificação o canadense teve que largar do fundo do pelotão e lutar durante toda a corrida para poder escalar e mesmo assim não conseguiu terminar a corrida.

Renault
Hulkenberg em seu R.S.17

De resto, a Force India andou bem, pontuou com os dois pilotos, a Toro Rosso também, sem problemas durante o final de semana os carros terminaram a corrida na melhor colocação possível. A Renault sofreu com apenas Hulkenberg terminando a corrida fora dos pontos, precisa muito evoluir; a Sauber mesmo tendo um motor confiável terminou com um piloto abandonando e o outro batendo. A Haas vinha bem, Grosjean teve uma ótima classificação porém sofreu com problemas em seu motor no meio da corrida e teve que abandonar. Já a McLaren quebrou um novo recorde: conseguiu completar 56 voltas (terminou a duas voltas do líder).

8
Um pódio diferente do que estávamos acostumados a ver

O resultado da corrida foi muito melhor do que a corrida em si. Infelizmente as más previsões que todos esperavam foram confirmadas, tivemos pouquíssimas ultrapassagens e brigas por posições, a caça de Vettel a Hamilton foi o melhor momento da corrida e o resto foi bastante sonolento. Tudo bem que ainda é a primeira corrida do ano, antes de julgar o resto do campeonato vamos ver as próximas corridas, mas no mínimo podemos esperar campeões diferentes, ou pelo menos duas equipes diferentes lutando pela liderança.

7
E assim terminou o GP da Austrália

Devemos torcer também para que a transmissão melhore porque, meus amigos, Galvão Bueno estava mais perdido que cego em tiroteio e a FOM idem, eles que estão tentando trazer mais fãs para a categoria acabaram começando da pior maneira possível.

Imagens por Motorsport.com