Este é o powertrain do novo hipercarro da Mercedes-AMG

O Salão de Frankfurt este ano será animado. Além do lançamento do Mégane RS 2018, a Mercedes-AMG trará ao mundo o até então chamado de Project One. Porém, se no compacto francês já sabemos quanto ao exterior mas nada vimos do motor, no Mercedes a situação se inverte.

50 Years of Driving Performance / Nürburgring 2017
A inspiração na F1 é nítida até mesmo na admissão no motor V6 bi-turbo

Ao que sabemos até agora o motor será um V6 bi-turbo de 1,6 litro girando a até 11.000 rpm (os monopostos de F1 vão até insanos 15.000 rpm) acompanhado de dois motores elétricos no eixo traseiro. A transmissão será automatizada de alta performance, mas ainda não se sabe como será seu acionamento. Ainda assim será possível rodar num modo 100% elétrico semelhante ao Porsche 918 Spyder com autonomia de até 32 km, graças à mais dois motores elétricos presentes no eixo dianteiro. Porém pouca coisa foi confirmada.

50 Years of Driving Performance / Nürburgring 2017
Só esperamos que o escapamento emita um som melhor que os da Fórmula 1

A fabricante aposta alto nos números de desempenho para bater o Bugatti Chiron. São 1.297 kg (haja fibra de carbono) com uma relação peso/potência de pouco menos de 1,30 kg/cv. Isso nos dá mais que 997 cv, valor completamente plausível para a unidade de força provinda da Fórmula 1 e para os motores elétricos do conjunto.

mercedes-amg-project-one-powertrain_100607956_h
Amplie esta imagem para ter acesso aos componentes do hiperesportivo

O grande calcanhar de aquiles do projeto parece ser a durabilidade do conjunto: a cada 50.000 km rodados você precisará enviar a sua unidade V6 para o Zé da Retífica a própria Mercedes-AMG High Performance Powertrains para ser reconstruído. É o preço a se pagar por girar igual um Civic Si.

Halbes Jahrhundert Driving Performance
A silhueta do carro já foi mostrada, mas o visual ainda é um mistério

Serão apenas 275 unidades produzidas e o próprio Tobias Moers, chefe da Mercedes-AMG, garante que o foco não é ter o carro mais rápido de todos em velocidade final: “Não estou à procura de aumentar a velocidade máxima”. Imaginando o que esse carro poderá fazer se tratando de retomada e aceleração lateral, estamos completamente de acordo com ele.

Fonte.