Carros da Galera – Conheçam o Peugeot 106 de Douglas Leão

Falaí galera GearHead, hoje estamos postando mais um projeto do Carros da Galera! Além de nos aproximarmos de vocês, isso fará com que todos possam conhecer outros carros, ver diversos pontos de vista em cima do mesmo carro, despertar aquela paixão escondida meio renegada e até mesmo tirar aquela dúvida final, aquele detalhe que faltava para te animar na compra do veículo!

Lembramos que não queremos apenas os projetos mais absurdos, qualquer um pode participar, o foco aqui é na sua história com seu carro ou outros carros, queremos conhecer nossos leitores também! Hoje traremos para vocês a história de um carro que falta espaço para piadas, um carro mais frágil que porcelana, com um conjunto mecânico tão bom, mas tão bom que todo mundo faz swap de motor assim que compra o carro já que o motor original com seus gloriosos 50 (CINQUENTA) cavalos não aguentam nada. Com vocês o Peugeot 106 do Pulenta.

Diga seu nome, idade, onde mora…aquela apresentação básica para a galera te conhecer!

Muito prazer, meu nome é Douglas, mas no meio da galera só me conhecem como Pulenta (assim mesmo com U, ok? kkkkk). Tenho 33 anos, moro na Zona Leste de SP, mais especificamente em Artur Alvim.

Qual carro você tem?

Atualmente estou com um Peugeot 106 98/99 Soleil 3p “Bleu de Chine”

Ele tem algum apelido?

Eu chamo carinhosamente de “Azulzin”, inclusive tem uma placa personalizada pra ele assim. A patroa tem chamado de “Júnior” e assim vai ficando…Azulzin Júnior, Júnior Azulzin, tanto faz…rs

Como você acredita que nasceu esta paixão por carros?

Olha, eu sou um tanto mais velho que a geração de hoje em dia. Então eu ainda sou da época de ver Senna e Prost na TV, vivi a época da restrição a importados no Brasil (acreditem em mim, já teve um tempo que só existia Chevrolet, Fiat, Ford e Volks andando por ai…rs) e meu pai sempre foi um “GearHead” também, nem existia esse termo, mas ele sempre gostou de carros e aí é quase que “genético” o amor.

Porque escolheu este carro? (Ou estes, caso seja mais que um)

Eu sou um fã de Peugeot desde o meu primeiro (um 206 preto) e quando precisei de um próximo carro, pensei: “Porque não um outro Peugeot? Porque não um Peugeot um tanto quanto “diferente”?”. Aí foi fácil escolher o “mascotinho” da família Peugeot…rs

Como você acredita que nasceu este amor/paixão/admiração por este carro em especifico?

Como eu disse, queria algo diferente. Hoje em dia a grande maioria dos carros são todos “redondos” e iguais entre si. Porque não andar com um diferente? Um quadradinho (que não seja um VW Gol…rs) que marca presença onde chega por conta das linhas “diferentes” do que rola hoje em dia.

Quais carros já teve antes do atual?

Além do 206 que citei na outra pergunta, tive um Vectra 95 GLS e aprendi a dirigir numa GM Caravan Comodoro 1989 que me deixou muito puto quando meu pai vendeu sem me falar nada…rs

O carro tem alguma alteração de motor e/ou estética!?

Motor não tem nenhuma alteração. Estética já teve bem mais. Atualmente tá “fraquinho” e o porquê conto daqui a pouco.

Já andei de aro 15 Sirocco (vão algumas fotos), já andei de 15 Interlagos, já foi pregado no chão. Atualmente só tem o abafador de inox da Luzian, tem volante do 208, tem manopla de câmbio do 206 e tem pedaleiras shutt.

Tem alguma pretensão de preparação de motor?

Estou numa fase de dúvida se toco o projeto em frente, se inicio outro. Penso que, caso continuar, com certeza o carro voltará a altura que já andou e terá desta vez um som bem mais forte que o original montado. Os equipos estão todos na mão, falta só “coragem” pra meter a mão na massa e fazer. Tem também o aerofólio que dá um toque todo diferente pra este carro que preciso instalar e outros detalhes de interior pra curtir novamente.

Quais você considera os pontos fortes e fracos do carro?

Eu vejo como o maior ponto forte dele o consumo. Com a gasolina a preços proibitivos, fazer 15km/l é uma virtude e tanto. Gosto demais do tamanho dele, me trás uma agilidade muito grande para manobras e estacionamento. Nunca tive problemas com vagas apertadas…rs.

Como ponto fraco, acho que os 50 pocotós originais são fracos demais, é complicado subir qualquer ladeira mais íngreme e com carro cheio fica pior ainda. Além dos espelhos retrovisores que são minúsculos, até acostumar é complicado…rs

Como é o uso no dia-a-dia!? (Conforto, consumo, manutenção, desempenho, etc)

Atualmente, como está em altura “stock”, é um carro bem confortável. O consumo é o ponto forte, quase não bebe gasolina e isso é muito bom. Manutenção, quando quebra algo, é complicado. Melhor mesmo é tentar arrumar antes de quebrar, porque quando quebra, nunca quebra uma peça só, aí já viu né. O desempenho é bom, anda 120km/h na estrada (plana) de boas, mas quando precisa encarar uma ladeira e afins, aí o bicho pega.

Como são seus gastos com o carro?

De combustível é pouco, as peças não são tão caras, são apenas mais difíceis de encontrar (mas a internet tá aí pra nos ajudar nisso…rs), de resto é perfumaria e mods que um dia pretendo voltar caso toque novamente o projeto.

Qual foi a viagem mais longa que já fez com ele?

Já fomos juntos várias vezes pro interior, mais exatamente Ribeirão Preto (cerca de 320km de SP). Meu filho mora lá e fomos juntos algumas vezes pra lá, inclusive com o Azulzin baixo arrastando. Já andamos aqui nos arredores de SP, já fomos pra Minas Gerais. Andamos bastante eu e ele já.

Como se portou durante a viagem?

Tranquilo demais, 120km/h de boas na rodovia dos Bandeirantes. Confortável mesmo baixo, só um tanto barulhento por conta do abafador de inox, mas sempre foi gostoso viajar com o Azulzin.

Ele já te deixou na mão? (Quebrar em algum lugar longe de casa/voltar de guincho pra casa) O que aconteceu?

Já me deixou na mão algumas vezes, principalmente neste ano de 2017. Já quebrou semi-eixo, já quebrou haste de amortecedor (nunca tinha visto isso…rs), já deu problema no alternador 2x. Em 3x neste ano, já tivemos que passear de guincho, coisa que nos 2 anos anteriores que tive o carro ele nunca fez. Seria 2017 um ano “ruim” pra nossa parceria? kkkkkkkk

Qual a melhor história que já teve com este carro!?

Logo que comprei, outubro de 2014, no réveillon do mesmo ano fomos juntos até Monte Verde/MG. Olha, que alegria chegar naquela cidade cheia de “carrões” com o Azulzin e a galera olhando com aquela cara de “que raio de carrinho é esse que tá desfilando aqui?”…kkkkkk…e tivemos outras histórias sensacionais, inclusive uma benga num 307 vermelho famoso que vou contar em outra oportunidade…kkkkkkk

E a pior?

Nestas quebras ele tem me decepcionado, mas nada pior que ser parado na Rod. Washington Luiz meia noite de uma terça por uma viatura louca pra receber um “cafezinho” e você não oferecer….resultado: Tive o doc retido e aí começou o desmonte/desânimo com o projeto.

Pensa em algum dia trocar/vender este carro!?

Penso quase todo dia, mas as vezes vejo o tanto de histórias boas que tivemos e as ideias que ainda não consegui fazer. O carro está a venda, mas só pra quem me pergunta, nunca anunciei. E enquanto ele for ficando, ele vai fazendo parte da minha vida. Vai que é o certo ele não ir embora nunca mais, como vou saber?

Se quiser, sinta-se a vontade para fazer um resumão do carro, coloque algo que não perguntamos, algo que você acredita que deva ser citado, algo que você acha que possa inspirar os próximos GearHeads! Valeu!!!

Quero aqui neste espaço agradecer aos Amigos GearHeads pelo papo legal, pela oportunidade de contar histórias e dividir com todos vocês meu projeto e as ideias.

Quero dizer pra você que tá começando, pra você que já não sabe o que fazer mais com o carro: Siga SUAS IDEIAS, tem muita gente por aí pra te desanimar e colocar pra baixo. Mas afinal de contas o carro É SEU e você tem que estar feliz com ele, não ninguém. Só importa você!

Abraços pra todo mundo e até a próxima! Valeu Amigos GearHeads!!! Tamo junto!!!

E por hoje foi só pessoal! Essa foi a história do Poluenta e seu 106. E se você quer participar do Carros da Galera é só mandar um e-mail para amigosgearheads@gmail.com. Lembrando que o carro da semana sempre será a capa do nosso Facebook. Esperamos que todos tenham gostado e semana que vem tem mais! Para ler sobre outros carros que participaram aqui do carros da galera, clique aqui.

Todas as informações aqui veiculadas são de total responsabilidade do autor das respostas e as mesmas não necessariamente vão representar a opinião do Amigos GearHeads.