Conheça a versão funerária do Tesla Model S

Sexta-feira parece ser um bom dia para falar sobre morte, não é mesmo? Pois se preparem porque hoje iremos conhecer o Tesla Model S fúnebre, o carro funerário mais ecologicamente correto do planeta. Não que você vá se importar com isso depois que morrer.

Já pensou você com um carro desses?

O vídeo dessa vez estranhamente não vem de um canal automotivo, mas sim de um canal de tecnologia. Zack Nelson é o criador do JerryRigEverything, canal criado com o propósito de fomentar a cultura do DIY (“Do It Yourself”, ou “Faça Você Mesmo”) mas que acabou ficando famoso pelos reviews pouco ortodoxos sobre smartphones. Sim, ele é o cara que risca e põe fogo nos aparelhos mais modernos do mercado.

Zack é um entusiasta dos carros e ex-dono de uma Toyota Tacoma 1998 com mais de 400 mil km rodados, que ele trocou numa Tacoma 2018. Mas sendo também um apreciador da tecnologia, fica claro alguns vídeos onde ele mistura as duas coisas. Como por exemplo, no vídeo em que ele tenta dirigir um Tesla Model X e usar o celular ao mesmo tempo. Ou no vídeo em que ele tenta puxar um Tesla Model S com um skate elétrico:

Voltando ao assunto do dia, o Tesla Model S funerário foi cortado ao meio e recebeu novas longarinas para aumentar o entre-eixos. Os novos painéis da carroceria são em alumínio, seguindo o material que já constitui o automóvel de fábrica.

Acabamento da melhor qualidade para um último passeio

Para quem não quer usar o porta-malas frontal há um nicho na lateral do carro (semelhante ao presente na McLaren F1) que aproveita parte da porta traseira do Model S. O interior preserva o acabamento e o painel com as duas telas de LCD. Outros itens que permanecem originais são o teto de vidro e a aceleração, que o Zack afirma ser “muito próxima de um Model S regular”. Mas da coluna B para trás as coisas ficam um pouco estranhas.

De dentro do carro é possível ver a “caçamba”. O chão é de madeira e possui alguns rolamentos para quando o caixão for deslizado. Há também duas travas, uma modular para prender o caixão e a outra fixa, que prende o assoalho móvel em duas posições. E, como não poderia deixar de ter, nas laterais existe o suporte para as flores que serão levadas até o cemitério. Zack ainda brinca sobre a declaração de Elon Musk, CEO da Tesla, que gostaria de morrer em Marte, comentando que “se ele morrer por aqui mesmo essa me parece uma opção interessante.”

Pensando bem, esse Model S para mortos daria uma bela pick-up, não é mesmo?