Um dia tranquilo no lago – Pitacos F1

Não podemos dizer que o GP do Canadá foi o melhor GP que vimos na história da F1, tivemos sim alguns momentos extremamente chatos e nem todo mundo gosta de ficar vendo apenas uma fila indiana, porém se analisarmos somente isso é claro que a corrida vai ser muito chata mas mesmo assim ficamos na esperança de novas paradas, ninguém sabia se os pneus de Verstappen, Ricciardo ou Hamilton durariam mesmo até o final da corrida ou se eles teriam que fazer uma nova parada ou não. Eu confesso que fiquei bastante apreensivo a corrida toda e gostei do que vi.

Tivemos um começo de corrida bastante agitado o acidente entre Stroll e Hartley foi chocante e nenhum dos dois teve culpa, Stroll acabou perdendo a traseira do carro em uma curva de alta velocidade e Hartley viu um espaço por onde poderia passar (já que estava mais rápido) e arriscou uma ultrapassagem antes mesmo de Stroll começar a perder a traseira, porém acabou encaixotado e nada pode fazer e acabou virando passageiro.

Vettel volta a vencer na temporada, chega a 3 vitórias em 7 corridas e assume a liderança do campeonato com 1 ponto de vantagem para Hamilton. O alemão fez uma ótima corrida, liderou durante toda a prova e em nenhum momento viu Bottas alcança-lo ou ameaçar sua liderança. Já Raikkonen decepcionou e muito, sequer conseguiu defender sua posição de largada e teve um ótimo momento quando saiu dos boxes colado com Hamilton e também não ofereceu nenhuma resistência ao inglês.

Bottas terminou na segunda posição com uma corrida bem “ok”, não conseguiu atacar Vettel porém não foi atacado por Verstappen, somente na largada onde o finlandês conseguiu se defender muito bem. No final teve problemas com consumo de combustível e teve que tirar o pé o que acabou minando de vez suas chances de vitória. Hamilton esteve apagado durante todo o final de semana e na corrida não foi diferente, acabou perdendo a quarta posição durante a rodada de pit stops para Ricciardo e também enfrentou problemas com superaquecimento do motor no inicio da corrida, tendo de parar mais cedo para sua troca de pneus.

Na terceira posição, Max Verstappen finalmente tem um final de semana sem qualquer tipo de incidente, arriscou muito bem na largada mas não conseguiu completar a ultrapassagem sobre Bottas e as deficiências no motor Renault acabaram não ajudando muito o holandês para conseguiu algum ataque posterior durante a corrida. Ricciardo também fez um ótima largada ultrapassando Raikkonen e durante as paradas nos boxes conseguiu passar Hamilton para terminar na quarta posição.

Na sétima posição Hulkenberg terminou na mesma posição em que começou, fez uma prova sólida e livre de problemas. Sainz em oitavo também fez uma boa prova, na relargada após o Safety-Car em decorrência do acidente de Stroll e Hartley, acabou tocando com Perez que acabou rodando e de interessante sobre é só isso.

Em nono Ocon também fez uma prova consistente estamos entre os pontuadores durante toda a corrida. Já Perez acabou tocando com Sainz Jr. como dito no parágrafo anterior e acabou terminando apenas na décima quarta posição.

E fechando os pontos temos Charles Leclerc pontuando mais uma vez pela Sauber/Alfa Romeo, o jovem monegasco que lutou bastante contra Alonso na primeira parte da corrida e só perdeu a posição quando precisou parar nos boxes, mas mesmo assim esteve sempre na cola do asturiano e acabou herdando a décima posição quando o piloto da McLaren enfrentou problemas com perda de potência em seu carro. Sobre Ericsson a única coisa que sei é que terminou em décimo quinto e só.

Fotos por Motorsport.

E pra finalizar, os gráficos da Pirelli que já se tornaram hábito aparecerem por aqui.