Este Audi RS3 Elétrico venceu um Porsche 911 GT2 RS… de ré!

Uma das maiores vantagens em carros elétricos é ter todo o torque já disponível assim que você aperta o pedal do acelerador, mas outra coisa interessante também é que por geralmente não ter marchas, andando de frente ou de ré você pode alcançar praticamente a mesma velocidade.

Os carros movidos a suco de dinossauro são mais lentos ao andar em marcha a ré por uma limitação de câmbio pois usa-se uma engrenagem de marcha com uma relação muito curta, afinal, o carro anda pra frente e não precisa alcançar velocidades altas andando ao contrário. Mas em carros elétricos a coisa muda de figura pois como não tem a limitação do cambio ele pode chegar tranquilamente a velocidades mais altas, mas por questões de segurança as fabricantes colocam limitações de velocidade em seus carros.

E nesta drag race o Audi eletrificado, um protótipo desenvolvido pela Schaeffler, não só foi rápido a andar ao contrário (muito rápido mesmo) como conseguiu bater um Porsche 911 GT2 RS.

Porém bater o Porsche não foi uma das tarefas mais fáceis não. Não podemos nos esquecer que nesta drag race o piloto teve que lidar com o fato de que como o carro está andando de ré e que por isso o veículo acaba se transformando praticamente em uma empilhadeira (com os rodas esterçantes atrás) e controlar um carro assim em altas velocidades deve ser uma bela treta. Assistam o vídeo aí (a drag race começa a partir dos 7:20 do vídeo):

Ao volante do Audi está Daniel Abt, piloto da Audi na Formula E, que como podem ver, o nervosismo é notório e Daniel Abt e também a adrenalina que esta sentindo ao cruzar a linha de chegada, sentimentos que também são compartilhados pela equipe que o acompanha.

Para conhecimento (e também para os pilotos que adoram os números de super trunfo) o Audi conta com um motor de 1.200 cv (1.196 ou 880 Kw para sermos mais exatos).

Depois de vencer o Porsche, o Audi deu mais algumas puxadas e chegou a incríveis 209,7 Km/h, marcando um novo recorde mundial.